Feed de Notícias

Publicado em 24.11.2016/15:51

Cartão Construcard disponibiliza R$ 7 bilhões para compra de materiais de construção

ABRAFATI participou de cerimônia em que medida foi anunciada pelo presidente Michel Temer.

Dando continuidade ao conjunto de medidas voltadas para o incentivo à construção civil, o presidente Michel Temer e o presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Gilberto Occhi, anunciaram hoje uma nova versão do cartão Construcard, com um orçamento de R$ 7 bilhões.

A cerimônia contou com a participação de Claudio Conz e de Valter Cover, respectivamente presidentes da Anamaco e da Abramat, representando o setor de materiais de construção. Foi prestigiada por grande número de empresários e pelas lideranças das mais importantes entidades do setor, entre as quais Dilson Ferreira, presidente-executivo da ABRAFATI, e Antonio Carlos de Oliveira, presidente-executivo do Sitivesp.

Destinado à aquisição, por pessoas físicas, de material de construção no varejo, o cartão pode ser obtido em agências da Caixa, estando previsto um valor médio de R$ 14 mil por cliente, que pode ser pago parceladamente. O impacto social e econômico do estímulo à construção e à reforma de imóveis foi novamente ressaltado pelo presidente Temer, que tem manifestado sua confiança em relação ao papel do setor para a retomada do crescimento. “Quando aumenta a venda de materiais, quando se constrói, aumenta o emprego”, destacou.

Essa linha de crédito poderá começar a ser usada imediatamente, uma vez que a CEF já tem limites pré-aprovados para milhares de clientes e as lojas estão prontas para receber o cartão. A expectativa inicial é beneficiar mais de 2 milhões de pessoas.

“O setor de construção tem se unido para levar propostas ao governo, que se mostra muito receptivo aos argumentos que apresentamos. Percebe-se hoje uma clara orientação para atuar em conjunto com a iniciativa privada e para apoiar projetos que tragam resultados concretos. Do mesmo modo que o Cartão Reforma, anunciado alguns dias atrás, o cartão Construcard é um exemplo concreto dessa parceria muito positiva que se criou entre o nosso setor e o governo federal”, afirma Dilson Ferreira, presidente-executivo da ABRAFATI.